Como tornar-se um vaso de bençãos.

Para entendermos melhor a questão das bençãos meus amados, vamos procurar conhecer o termo "Benção". Há uma vastidão de significados para a palavra, que está presente em diversos trechos Bíblicos e de formas variadas, as vezes com conotação dentro do campo espiritual e em outras no campo natural. A palavra benção pode ser descrita como "A mão de Deus sobre nós", isto no campo espiritual. A palavra está associada a imensidão da benevolência divina, sua benignidade, seu amor incondicional. A benção é uma das promessas de Deus para nós, para aqueles que são obedientes a Ele e seguem seu caminho e seus mandamentos. "Bênçãos caem sobre a cabeça do justo; porém a boca dos ímpios esconde a violência." (Provérbios 10:6). Mas a benção não são só no campo espiritual, elas também se referem ao campo material. O Senhor abençoa seus servos também com bençãos materiais. Ainda que passando duras provas, o Cristão deve permanecer fiel ao Senhor e glorificá-lo, sabendo que só o Senhor é Deus e Ele é fiel a sua palavra. Nele, podemos todas as coisas, inclusive vencer as privações: "Sei passar falta, e sei também ter abundância; em toda maneira e em todas as coisas estou experimentado, tanto em ter fartura, como em passar fome; tanto em ter abundância, como em padecer necessidade. Posso todas as coisas naquele que me fortalece." (Filipenses 4:12-13). Mas nosso assunto hoje é como tornar-se um vaso de bençãos, então vejamos como isto pode ocorrer nas nossas vidas. Primeiro amado, amada, creia que o Senhor Jesus Cristo vos tende abençoado desde seu nascimento e vos escolheu para sua obra desde antes que voce fosse gerado. Sim, Ele nos escolheu e não nós a Ele, portanto nos escolheu para algo na sua obra. "Já que tendes purificado as vossas almas na obediência à verdade, que leva ao amor fraternal não fingido, de coração amai-vos ardentemente uns aos outros," (1 Pedro 1:22). Ora meus amados, já sabemos que as bençãos não são restritas ao campo espiritual, mas também são vastas ao campo material. Ser benção na vida do irmão compreende amá-lo, assim como Cristo amou e abençoá-lo como Cristo abençoou. Imaginemos que um irmão está em dificuldades financeiras, está enfermo, está doente espiritualmente. Que faria Deus então? Abençoaria, é lógico amados. Mas cabe a nós também abençoarmos, não só ofertando a palavra, mas suprindo as necessidades materiais e espirituais dos nossos irmãos em Cristo. Nisto estamos assumindo caráter divino, estamos sendo verdadeiramente bençãos e abençoando nossos irmãos. Ora meus amados, porque haveria eu de orar por irmão e rogar a Deus, se eu mesmo posso abençoá-lo com aquilo que primeiramente Deus me abençoou? Deus age irmãos e nós também devemos agir, agir em espírito e em verdade. " Nós sabemos que já passamos da morte para a vida, porque amamos os irmãos. Quem não ama permanece na morte. Todo o que odeia a seu irmão é homicida; e vós sabeis que nenhum homicida tem a vida eterna permanecendo nele. Nisto conhecemos o amor: que Cristo deu a sua vida por nós; e nós devemos dar a vida pelos irmãos. Quem, pois, tiver bens do mundo, e, vendo o seu irmão necessitando, lhe fechar o seu coração, como permanece nele o amor de Deus? Filhinhos, não amemos de palavra, nem de língua, mas por obras e em verdade. Nisto conheceremos que somos da verdade, e diante dele tranqüilizaremos o nosso coração;" (I João 3: 14-19). Muitas vezes vemos o irmão clamando, necessitado de bens que temos por benção de Deus e nos resumimos a orar, a pedir a outros, pedir a Deus. Desta forma deixamos de ser bençãos, deixamos de ser vasos de bençãos do Senhor e ignoramos a chance de sermos generosos com um irmão assim como Deus foi generoso conosco. Oremos e consagremos amados, para que sejamos sempre vasos de bençãos, que possamos estar atentos, orando e jejuando sempre por nossos irmãos em Cristo, dando-lhes alimento espiritual e também material, para que se cumpra em nossas vidas todas as bençãos que Deus nos tem prometido. Que a graça e a paz de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo esteja sobre todos nós. Ósculo Santo, até a próxima.

Seguidores do Google