Literatura | Gospel | Pequena Reflexão | João 20,22.

Recebei o Espírito Santo. A quem perdoardes os pecados, eles lhes serão perdoados; a quem não perdoardes, eles lhes serão retidos” (João 20,22).
Neste domingo de bênçãos e graças, celebramos a Misericórdia Divina, recebemos de Deus a misericórdia, dom do Espírito Santo que é derramado em nossos corações. É Ele quem opera isso em nós, que nos perdoa, lava-nos de nossos pecados e dá-nos a graça de perdoarmos uns aos outros pelas falhas e pecados.O Espírito Santo é derramado como dom primeiro para os apóstolos, que exercem, em nome de Deus, na autoridade apostólica, o sacramento da penitência. Por meio desse sacramento, todos podem ser lavados e redimidos dos pecados de forma objetiva.
A Igreja não perdoa os pecados, entretanto, ela é o canal, o instrumento pelo qual o perdão de Deus chega aos nossos corações. O padre não pode perdoar os nossos pecados, porque, somente Deus pode fazê-lo, mas o sacerdote é o instrumento escolhido e usado pelo Senhor. O ministro, o sacerdote, o bispo, todo aquele que recebeu a ordenação com esse poder, com essa delegação, age pela força do Espírito Santo para perdoar os pecados.
Uma vez que nossos pecados são perdoados por Deus e que somos lavados de nossos pecados, devemos exercer o mesmo perdão para com os nossos irmãos e irmãs. Precisamos ser instrumento da Misericórdia Divina para com todos os pecadores. Primeiro, tendo misericórdia e paciência com os nossos próprios limites e fraquezas; depois, exercendo a misericórdia nos campos da vida, onde estamos presentes.
Nossa casa e família precisam ser o primeiro lugar para vivermos o perdão e a misericórdia. Não se renova uma família se ela vive trabalhando, rodeada de mágoas, ressentimentos, desentendimentos e situações que não deram certo. Não se trabalha em cima de mágoas, mas de perdão, reconciliação, misericórdia, renovação e superação.
“Ah, mas eu não dou conta!”. Pode ser que humanamente não tenhamos forças para dar conta de praticar o perdão necessário, mas o mesmo Deus que nos perdoa de tantos pecados nos dá força, graça e unção para sermos perdão e misericórdia nos campos de trabalho onde nos fazemos presentes nesta vida.
Neste domingo santo da Misericórdia Divina, sejamos canal da misericórdia de Deus onde quer que estejamos!

Seguidores do Google